da série poemas ordinários

943bfbfac57e05b2ef08e0e0e6eb44c5

Woman Sewing, Vincent van Gogh

nunca fui sábio em costurar retalhos

nos interstícios meus sentidos singram

afiados alfinetes que mastigo sorrindo

com o sorriso comedido dos falsetes

 

no céu eu vejo nuvens ou são giletes

ou a chuva que chove ou então canivetes

e lavo a suja lembrança destas vestes

quando tinjo de vermelho meu oeste

 

inerte de bons motivos sigo ausente

górdio vago vagando na vala indigente

desato o nó nauseabundo desbasto palavras

com palavras e minha vida com o fio da navalha

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s